Consolidar parcerias

Para a realização de algumas ações de mudanças que foram planejadas, pode ser necessário que a sua organização estabeleça parcerias com outras empresas. De acordo com o perfil previamente definido na segunda atividade, podemos demandar a cooperação de determinados parceiros que nos ajudem na realização das mudanças.

Portanto, precisamos identificar, definir e consolidar os parceiros que possam potencializar o processo de mudança durante a servitização, e também que irão contribuir para a operacionalização do PSS quando já estiver lançado no mercado. 

Devemos realizar as seguintes ações para a consolidação de parcerias:

  • Identificar os interesses em estabelecer parcerias;
  • Apresentar a proposta do projeto de mudança rumo à servitização para os possíveis parceiros;
  • Negociar com os possíveis parceiros;
  • Formalizar e dar início às parcerias;
  • Executar os projetos de mudanças com os parceiros, e realizar o acompanhamento.

 

Pense nos seguintes motivos para estabelecer a sua rede de parceiros: combinar competências e conhecimentos de outras empresas; partilhar os riscos e explorar novas oportunidades para o negócio em direção à estratégia da servitização; compartilhar recursos; e/ou, fortalecer o processo de mudança.

A nossa metodologia de servitização considera que podemos ter vários tipos de parceiros (ver seção modelo de negócio). Eles podem ser parceiros antes mesmo do projeto de servitização. A rede de parceiros começa a ser definida já durante a atividade de proposição de valor, sendo estabelecida durante a atividade de modelo de negócio, e detalhada durante o design detalhado.

DICAS

  • Não se esqueça que o perfil organizacional definido previamente influenciará no perfil de parceiros que estaremos buscando.
  • Precisamos avaliar quais são os impactos da consolidação das parcerias nos trabalhos individuais e em time das pessoas da nossa organização que estão envolvidas ou são impactadas pelas mudanças.